Conselheiros Tutelares eleitos reúnem-se com Conselho Deliberativo da ACIBr




O Conselho Deliberativo da Associação Empresarial de Brusque reuniu-se na noite de segunda-feira, 11 de outubro, para sua última reunião deste ano. Na oportunidade, eles receberam os cinco conselheiros tutelares eleitos, Mariana Resende da Silva, Norberto Boos, Márcia Benvenutti Zen, Neide Dalmolin e Daiana Mirela Amorim; o secretário de Assistência Social e Habitação de Brusque, Deivis da Silva Jr, e a coordenadora técnica do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Flavia Domingues.

O objetivo do encontro, foi conhecer o trabalho desenvolvido pelo Conselho Tutelar no município de Brusque. A atual gestão do Conselho Tutelar cumpre mandato até o final deste ano, permanecendo em atividade até o dia 10 de janeiro de 2020, quando serão empossados os conselheiros da nova gestão, segundo o secretário Deivis Jr. Neste ano de 2019, as eleições para escolha dos conselheiros aconteceram no dia 5 de outubro, em todo o Brasil. Em Brusque, dois conselheiros foram reeleitos, Norberto Boos e Neide Dalmolin, e as demais três conselheiras foram eleitas, iniciando os trabalhos a partir de 2020.

Durante a reunião, a coordenadora do CREAS fez uma explanação sobre os trabalhos realizados pelo Conselho Tutelar. Segundo Flávia, de janeiro a agosto deste ano, foram atendidos pelos conselheiros, 3.207 casos no município. Ela também explicou as atribuições do Conselho Tutelar, em quais demandas os conselheiros atuam e esclareceu dúvidas dos membros do Conselho Deliberativo da ACIBr.

A conselheira Neide Dalmolin também fez uma apresentação dos trabalhos desenvolvidos pela atual gestão do Conselho Tutelar, como capacitações, palestras em escolas, confecção de folders informativos, divulgação de diversos materiais em rádios e jornais, capacitação para profissionais da educação do sistema APOIA e reuniões.

O vice-presidente da Associação Empresarial de Brusque, Marlon Sávio Sassi, enalteceu o trabalho realizado pelo Conselho Tutelar. “Essas pessoas são verdadeiros anjos, porque sair do conforto do seu lar, para atender estes casos, não é nada fácil. Eles só vão encontrar situações complicadas de se resolver. Quero dar os parabéns a vocês, porque vocês também se colocam em situações de risco. Eu, como um membro do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente coloco a ACIBr bem perto de vocês para o que precisarem”, declarou.

O presidente do Conselho Deliberativo da entidade, Edemar Fischer, reiterou as palavras de Marlon Sassi. “A ACIBr se coloca à disposição do Conselho Tutelar. Vamos pensar em alguma forma de auxiliar para que esta realidade que acontece hoje em nosso município, de tantos casos como os que foram falados, mude. Acredito que nós não ficamos satisfeitos, mas sim indignados com as situações que os conselheiros nos apresentaram. É triste saber que temos bairros mais violentos do que outros em nossa cidade. Por outro lado, ficamos satisfeitos com os dados que foram trazidos e com os esclarecimentos realizados, a explanação de todo o trabalho que o Conselho Tutelar realiza”, ressaltou.