Associativismo, empreendedorismo e tecnologia foram alguns dos assuntos tratados na transmissão online realizada pela ACI Lages




O atual momento pelo qual o mundo está passando, requer adaptação e reinvenção por parte dos empreendedores para que as empresas sobrevivam a este “novo normal”. Para ajuda-los a identificar novas oportunidades a Associação Empresarial de Lages (ACIL) conectou diversas pessoas na noite desta segunda feira, 18 de maio, para “Reaprender a empreender JUNTOS”.
Por meio de uma transmissão online, conduzida pela gerente regional do Sesi/Senai na Serra Catarinense, Silvia de Pieri, os convidados Roberto Amaral, presidente do Grupo SCC e vice presidente de Desenvolvimento Regional da ACIL, Daniel Correia Luz, diretor de Inovação da FACISC, e Nilmar Paul, supervisor do Programa Empreender no Sebrae, debateram assuntos como associativismo, empreendedorismo e inovação.
Para sobreviver a este “novo normal” o empresário precisa estar atento as mudanças, buscar informações constantes e se relacionar. E o associativismo é uma importante ferramenta que fortalece a todos e ajuda a encontrar soluções, principalmente, neste momento de crise. Segundo o supervisor do Programa Empreender, “a saída da crise passa pelos núcleos, porque nos núcleos eu posso me amparar neles para buscar saídas. Quanto mais eu convivo com os empresários da minha cidade mais eu passo a conhecer. Quanto mais eu conheço, mais eu passo a confiar nessas pessoas e quando eu confio eu passo a construir juntos”.
O consumidor também está passando por uma transformação. Ele está mais seletivo, mais exigente e as empresas precisam se adaptar, se abastecer de tecnologia rapidamente para atender esse consumidor. Para o diretor da Facisc, o perfil do consumidor mudou. “Ele passou a utilizar muito mais a tecnologia, passou a entender muito mais do entendia. Agora o cliente está mais preocupado com a informação verdadeira, em pagar um preço justo e ter uma experiência de compra bacana”.
Os momentos de crise, nos apresentam novas oportunidades, novas formas de empreender, mas para isso precisamos estar abertos para perceber essas oportunidades e nos adaptar. A pandemia antecipou a utilização da tecnologia no nosso dia a dia. De acordo com Amaral, houve uma antecipação daquilo de iria acontecer a longo prazo. “Precisamos reaprender juntos. As tecnologias nos apresentaram novas formas de mercado, novas formas de trabalhar. Nos adaptamos ao home office, as vídeo chamadas, as multi plataformas. E as tecnologias e mídias sociais estão cumprindo o papel de aproximar as pessoas neste momento de isolamento social”.
Ao final da transmissão, Silvia citou uma frase de Eric Hoffer, muito pertinente para este momento. “Em tempos de mudança, aqueles que aprenderem herdarão a terra, enquanto aqueles que já aprenderam encontrar-se-ão esplendidamente equipados para lidar com um mundo que já não existe”.
A ACIL contou com o patrocínio do Sicredi e o apoio da Prefeitura de Lages, Sebrae, Facisc, Grupo SCC, CDL, Orion Parque, Fiesc e Rotary Distrito 4740.
Quem perdeu o encontro poderá assistir o vídeo que está disponível no Canal da ACIL no Youtube, acessando o link https://youtu.be/01E1ZhzfvuU.