Facisc realiza nova reunião em busca de solução para questão do Simples Nacional

06/07/2018. Publicado na categoria: Tributos

IMG_3866

Tendo como uma de suas bandeiras a redução e simplificação da carga tributária, a Facisc promoveu nesta sexta-feira (6/07) encontro com auditores fiscais da Secretaria da Fazenda Estadual para discutir a questão do Simples Nacional, onde as empresas que, a partir de janeiro de 2018 faturam de R$ 3.600.000,00 a R$ 4.800.000,00 por ano, devem recolher o ICMS diretamente ao Estado e não mais dentro da sistemática do Simples, causando um aumento significativo na carga tributária.
Presente na reunião, o vice-presidente de infraestrutura da Federação, André Gaidzinski, afirmou que a medida causa um aumento significativo na carga tributária das empresas afetando direta ou indiretamente toda a cadeia produtiva.

Na busca de uma saída aceitável para o problema, desde novembro de 2017, a Federação está em contato direto com o governador, a Secretaria da Fazenda de Santa Catarina, deputados federais e senadores.

No encontro o auditor Luiz Carlos de Lima Feitoza, ressaltou a importância dos empresários estarem munidos de informações para tomarem decisões e propôs um estudo com informações referentes ao ano de 2018 para apresentar aos representantes empresariais os setores que serão efetivamente afetados e posteriormente buscarem em conjunto uma solução viável para o problema.

Cadastre-se e receba nossas notícias: